Esqueci a senha

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail abaixo que enviaremos
um link para criação de uma nova senha.

Blog

Aqui no Blog do sistema Gendo compartilhamos conhecimento. Não apenas sobre nossa plataforma, mas também dicas valiosas para seu negócio.

03jan 2014

Dicas de Beleza

Mulheres brasileiras se sente feias no verão, é o que mostra pesquisa P&G

Pesquisa inédita demonstra os anseios e desejos em beleza das consumidoras na estação

O verão é a cara do Brasil. Nossos mais de oito mil quilômetros de litoral são um convite aos banhos de mar, sol e piscina, à contemplação da natureza e, consequentemente, à exposição do corpo. Isso é um problema para as mulheres. Em recente pesquisa encomendada pela P&G sobre os hábitos de verão das brasileiras, surpreendentes 62% das entrevistadas afirmaram se sentir feias na estação mais quente do ano, 34% se sentem cansadas e 42% indispostas.

Num país de tanta beleza, diversidade e cada vez mais entendimento sobre o cuidado com o corpo, a estética e a saúde, mais da metade das entrevistadas ainda sofre com a baixa autoestima. Um fato que reforça a importância de disponibilizar as mulheres ainda mais informações e ferramentas relevantes para que possam se sentir bem, todos os dias.

O estudo inédito, conduzido em parceria com o Instituto Ilumeo, foi realizado com 1.179 mulheres pertencente à classe C (50%), B (44%) e A (6%), de 25 a 32 anos de idade e das principais praças do Brasil (São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro), para identificar os principais hábitos das consumidoras brasileiras nessa época do ano e entender suas reais necessidades em beleza.

Para Gabriela Onofre, diretora de Comunicação e Marketing da P&G, os resultados confirmam o interesse das mulheres em ter uma imagem bonita aos olhos dos outros, mas, sobretudo diante do espelho. Estar bem consigo mesma é o fator mais importante para elas. Para arrasar nesse verão, as entrevistadas tem uma lista grande de exigências: 33% querem pernas poderosas24% buscam cabelos saudáveis17% querem bumbum sem celulite14% barriga sarada.

Confira mais resultados da pesquisa por categoria:

DEPILAÇÃO
A maioria das entrevistadas (54%) sente mais necessidade em se depilar no verão. Algumas dizem que sentem essa necessidade porque é uma época em que usam roupas mais curtas (35%), outras afirmam doer menos (31%) e 27% afirmam que depilar as deixa mais felizes.A maioria das mulheres associa diferentes métodos, de acordo com a região do corpo a ser depilada. E, independentemente da frequência, a lâmina é o método mais utilizado por 62% das entrevistadas devido à praticidade, agilidade e por ser indolor. Podendo indicar mais de um método83% das participantes indicaram utilizar também a lâmina. Apenas 8% das entrevistadas apontaram escolher a lâmina por ser um método mais barato.
Confira as demais razões motivacionais:

pesquisa sobre comportamente das mulheres brasileiras

 

As entrevistadas foram questionadas sobre a aparência das pernas frente à depilação e 60% delas disseram que “É muito importante mostrar pernas poderosas no verão” e 11% afirmaram que “A depilação me dá mais confiança”.

Quando questionadas sobre expressão “Pernas poderosas fazem com que eu me sinta”, os resultados foram os seguintes:

pesquisa sobre comportamente das mulheres brasileiras
Sobre o incremento no uso da lâmina como depilação no verão, 52% das entrevistadas afirmaram se depilar uma vez a mais por semana e 37% de duas a três vezes a mais no mesmo período.

Axila é a região do corpo mais depilada e com maior frequência, sendo que 16% das entrevistadas fazem uso da depilação nessa região diariamente. Em até sete dias:

– 60% das entrevistadas depilam as pernas
– 79% das mulheres depilam as axilas
– 58%, a virilha.

PROTETOR DIÁRIO

Em relação aos hábitos com o protetor diário, os maiores influenciadores das mulheres para adotarem seu uso são os ginecologistas (36%), a mãe e outros familiares (19%) e as amigas (16%).

A maior parte das mulheres entrevistadas (42%) utiliza protetor diário eventualmente26% usam diariamente17% quase todos os dias e apenas 14%afirmam nunca usar. As razões para utilizar são bem distribuídas:

pesquisa sobre comportamente das mulheres brasileiras
Dentre as mulheres que não utilizam protetor diário, 22% das entrevistadas afirmaram acreditar que o produto abafa a região íntima. Outras 29% das participantes afirmaram não usar protetor diário porque não têm o hábito e 17% se esquecem de usar. As razões que levariam as mulheres a adotar o uso diário do protetor são:

– se ele favorecer a saúde da região íntima (70%);
– se ele tiver uma tecnologia respirável (66%);
– se ele proporcionar maior conforto na região íntima (59%);
– se ele tiver um aroma que ajudasse a controlar o odor (49%).

Sobre os benefícios mais importantes do protetor diário, as entrevistadas responderam da seguinte forma: ser discreto e confortável (49%); controlar o odor (44%); deixar a pele respirar (29%); proteger a lingerie (28%) e hidratar a pele íntima (15%).

Sobre o uso do protetor diário no verão, 57% afirmaram manter os cuidados com a região íntima independente da estação. Entre as mulheres que aumentam esses cuidados, as principais razões são maior umidade decorrente do calor ou transpiração (57%) e devido à maior exposição à piscina/mar (42%).

CABELOS

Em se tratando de cabelos, do universo pesquisado, 38% dedicam de 30 minutos à uma hora a mais de tempo por semana nos cuidados com os fios no verão. Os produtos para os cabelos estão entre os top três itens de beleza de que a brasileira não abre mão nesta estação: desodorantes (71%), produtos para o cabelo (63%) e protetor solar (63%).

Mais dados sobre os hábitos das mulheres relacionados aos cabelos no verão:

Produtos mais usados

– Shampoo (82%)
– Condicionador (74%)
– Máscara de cabelo (42%)
– Creme de pentear (41%)
– Reparador/selador de pontas duplas (38%)

Os produtos pós-lavagem mais utilizados pelas entrevistadas são:

pesquisa sobre comportamente das mulheres brasileiras

Os temores das mulheres brasileiras

No verão, o maior medo das mulheres em relação aos cabelos é:

– 42% ter fios quebradiços
– 13% ficar com caspa
– 11% ficar com os fios ressecados

Com relação à mudança de rotina nos cuidados com os cabelos49% das entrevistadas afirmaram colorir e lavar os fios com mais frequência e apenas 17% hidratam mais os cabelos. Outros dados interessantes sobre os cuidados com os cabelos:

– 26% lavam o cabelo todos os dias
– 26% usam cremes hidratantes mais de uma vez por semana
– 15% usam o secador sempre
– 11% fazem chapinha

Tendência

Quando perguntadas em relação às nuances de cabelo que consideram como tendência para o verão, a maioria das entrevistadas (47%) considera os cabelos com luzes (loiras ou mel) a cara da estação. Surpreendentemente, o cabelo preto vem em segundo lugar com 22%, seguido do cabelo totalmente loiro com 14%Mais da metade das entrevistadas (66%) declararam ter colorido os fios no último ano. Dessas, 31% afirmam que a durabilidade da cor é inferior durante o verão. Os fatores que mais afetam a intensidade e durabilidade da cor, na opinião das entrevistadas são:exposição ao sol (65%), cloro (57%) e água do mar (46%). Além disso, a maioria (67%) das mulheres afirma que daria preferência para uma coloração resistente à água no verão.

Quando cuidam e quanto gastam

Finais de semana são os dias prediletos para o cuidado com os cabelos. 53% reserva o sábado para essa finalidade porque é o dia que, geralmente, é quando se tem compromissos sociais. O domingo foi escolhido por 20% das entrevistadas e a sexta-feira por 16%.

O gasto mensal médio com beleza é bastante semelhante tanto no verão quanto no inverno: até R$ 30 para 12%, R$ 50 para 20% das entrevistadas, R$ 100 para 32%, R$ 200 para 23% e mais de R$ 300 para 14% das mulheres.

 

 

SuperAgendador.ComSistema online para salões, clinicas e esmalterias.

Lucre mais $$$ organizando seu negócio com o sistema Gendo!

 

Comentários